Advisor da Levee participa de debate sobre nova gestão de talentos

Especialistas debatem sobre  adaptabilidade e inovação durante a crise. Talentos engajados e intraempreendedorismo são destaque

Gestão de talentos sempre foi um desafio para a maior parte dos gestores e em meio a uma pandemia isso se mostrou ainda mais complicado. A chegada da COVID-19 promoveu uma verdadeira corrida por parte das empresas para descobrir mecanismos que permitissem aos colaboradores trabalhar em segurança no até então pouco conhecido sistema home office, sem perder qualidade e produtividade.

Para falar sobre “A nova gestão de talentos e como compatibilizar acolhimento e cobrança de resultados”, a Money Report em parceria com HSM e SingularityU Brazil, promoveu um bate-papo com a participação de especialistas do mercado, durante o evento “Agenda empresarial 2021 | O futuro é agora”, a e Márcia Costa, advisor da Levee foi uma das participantes.

Participaram também Antonio Lacerda, vice-presidente sênior da Basf América do Sul; Guilherme Rhinow, diretor de RH da Johnson & Johnson Medical Devices América Latina; e, Nery Silva, vice-presidente da Generali. A mediação foi feita por Graziela Moreno, executive director HSM Academy e commercial director HSM & SingularityU Brazil.  

Para Márcia Costa, a pandemia foi extremamente impactante para empresários e líderes de todo o país.

“As empresas se prepararam e aprenderam muito nos últimos seis meses. Toda a liderança esteve com grande preocupação com seus times, seus terceiros, sua cadeia, seu cliente. Março foi um mês disruptivo, pois tivemos que tomar decisões que não estávamos acostumados a tomar”, afirmou Márcia Costa.

Para a executiva, a adaptabilidade e a criatividade para lidar com o novo momento foram as grandes competências que emergiram com o problema.

“Do dia para a noite, as empresas perderam a condição de gerar lucros, faturamento, resultados. E os resultados engajam pessoas, estar em uma empresa onde você possa gerar resultados é muito importante”, disse. “Tudo isso foi muito frustrante para nós nesse momento”.

Advisor da Levee, Márcia Costa faz palestra sobre Gestão de Talentos

Advisor da Levee, Márcia Costa participa do evento do Money Report “Agenda empresarial 2021 | O futuro é agora”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Confira alguns dos temas abordados:

ESTRUTURA E LIDERANÇA

Márcia Costa destacou que uma das preocupações do RH no período pandêmico foi com a estrutura de trabalho dos colaboradores. “Muitas pessoas iam para suas casas sem condições para isso, porque não tinham boa internet, espaço físico para poder trabalhar. A liderança foi desafiada. Como você lidera gente remotamente, engaja esses times, faça com que eles continuem comprometidos com a empresa?”, questionou.

Para ela, os líderes se reinventaram.

“Eles foram capazes de abrir mão de conhecimentos antigos para poder se renovar e exercer sua liderança para tomar decisões difíceis com sabedoria e respeito às pessoas”, afirmou. 

TALENTOS

Guilherme Rhinow, diretor de RH da Johnson & Johnson Medical Devices América Latina, falou sobre a experiência da empresa no período.

“Talentos são uma fonte de vantagem competitiva para as organizações. Diante disso, pensar de uma maneira estratégia é extremamente importante”, disse.

Ele ressaltou que é importante avaliar como as pessoas se conectam com as organizações.

“Se antes pensávamos em carreira de longo prazo, cada vez mais os vínculos com as organizações têm ficado diferente”, afirmou. “As empresas que conseguirem fazer uma gestão de talentos criteriosa, robusta e consistente vão sair na frente”.

INTRAEMPREENDEDORISMO

Antonio Lacerda, vice-presidente sênior da Basf América do Sul, afirmou que a empresa, o diálogo com clientes, fornecedores e concorrentes foi fundamental para ultrapassar o momento mais crítico da pandemia.

Lidar com a incerteza é uma das competências que os nossos colaboradores têm desenvolvido. É uma habilidade que temos que passar para as pessoas e dar o conforto para que elas possam expressar essa habilidade”, disse.

Para ele, trabalhar o intraempreendedorismo é uma chave para a retenção de talento.

“Mais importante que propósito, é as pessoas conhecerem o seu papel e sua contribuição dentro da empresa”, afirmou.

O vídeo completo está disponível no link do painel

Estimule talentos sem perder foco nos resultados – Money Report.

LEVEE

A Levee é uma plataforma de Inteligência Artificial de recrutamento e seleção para grandes empresas. Utilizando Machine Learning, Análise Preditiva e People Analytcs, a Levee contribui para melhorar os índices de eficiência, produtividade e engajamento dos colaboradores, em empresas com altos volumes de contratação de mão de obra operacional.

Com a sua tecnologia, a Levee promove a redução de absenteísmo, aumento de vendas e redução de turnover, ajudando os clientes a alinhar suas estratégias de negócios aos resultados operacionais e a redução de custos relacionados a mão de obra.

CLIQUE AQUI e entenda mais sobre Inteligência Artificial  e Operacional.

 

Leave a Reply