Skip to main content

A experiência de um colaborador começa ainda no processo de seleção e contratação. É neste momento que começam a se criar expectativas e impressões sobre o dia a dia de trabalho em uma empresa: quanto mais assertivo for este momento e quanto mais alinhado estiver entre as partes envolvidas, maiores são as chances de gerar uma melhor employee experience (EX).

A Employee experience, ou experiência do colaborador, diz respeito a tudo aquilo que ele vivencia e sente no exercício de sua função e no contato com a empresa podendo ser uma experiência positiva ou negativa. E, embora a Employee Experience diga respeito ao indivíduo, ela também aponta a própria saúde corporativa, já que causa impactos tanto no ambiente de trabalho como nos resultados da instituição.

Quando começa a experiência do colaborador

A pesquisa O impacto de longo alcance da experiência do candidato,  promovida pela IBM com 7 mil candidatos a empregos recentes, revelou que a experiência do candidato geralmente começa antes da inscrição. Isso porque quase metade dos candidatos tiveram algum tipo de contato com a organização contratante antes de se candidatarem à vaga.

Entre esses entrevistados, os que tiveram uma experiência do candidato satisfatória têm duas vezes mais chances de recomendar a organização contratante a outras pessoas do que aqueles que se sentiram insatisfeitos. Mais do que isso, os candidatos satisfeitos com sua experiência têm duas vezes mais chances de se tornarem clientes da organização contratante em comparação com candidatos insatisfeitos.

A pesquisa da IBM chama atenção também para todo o processo que envolve o recrutamento. Se, no final desse processo, uma oferta de emprego for recusada, não apenas o tempo e o esforço serão desperdiçados, mas o talento certo poderá ter sido perdido. Nossas descobertas de pesquisa sugerem que investir em uma experiência positiva do candidato pode economizar tempo e dinheiro e, mais importante, garantir o talento certo, contribuindo para uma maior taxa de aceitação”, alerta.

Oportunidades de melhorias

Melhorar o processo de contratação de talentos é uma forma de promover uma experiência mais positiva. A pesquisa “O impacto de longo alcance da experiência do candidato” mostrou que uma das oportunidades de melhorias diz respeito à comunicação e o relacionamento entre a empresa e o candidato. Quanto melhor for a relação, mais positiva é a experiência.

A pesquisa indica que as empresas devem desenvolver estratégias integradas de talentos usando o RH e tecnologias alinhadas a um ambiente de trabalho humano. Mas, não só isso, promove uma experiência positiva dos funcionários, começando pela liderança sênior, incluindo soluções de recrutamento e desenvolvimento de carreira habilitadas para Inteligência Artificial que permitem uma experiência rápida, personalizada e envolvente.

Como a tecnologia pode ajudar

A tecnologia pode promover processos de contratações mais dinâmicos e, por consequência, melhorar a experiência do candidato/colaborador. Isso porque, com o uso de algoritmos, a tecnologia detecta os candidatos mais qualificados e com maior potencial de produtividade.

Além de promover uma busca mais assertiva , a tecnologia dá mais agilidade à contratação, a tecnologia associada à Inteligência Artificial torna o processo eficiente, reduzindo custos de produtividade. Por escolher o candidato mais compatível com a vaga também promove processos seletivos imparciais e mais juntos, aumentando  as chances de dar um match perfeito e isso, no fim das contas, significa colaborador satisfeito, com melhor desempenho e maiores chances de retenção,  feliz por trabalhar em uma empresa que tem tudo a ver com ele. 

A tecnologia desenvolvida pela Levee, por exemplo, promove um recrutamento mais rápido, seleciona os melhores candidatos e garante uma experiência positiva para o candidato.

Quer saber mais? Vem conversar com a Levee.

 

Leave a Reply